para que não nos sintamos tão sós (curta)

cartazA cidade em transformação. Um processo que se confunde com desequilíbrio. Em “Para que não nos sintamos tão sós” (2013, 7min), o impacto das mudanças atravessa o olhar de um indivíduo. O filme inicia a ação do selo Paideia Filmes, cuja ideia é realizar pequenas produções audiovisuais que reflitam as nossas relações críticas com a “cidade”, sem ignorar a poesia.

“Para que não nos sintamos tão sós” é uma realização independente da Paideia Filmes, com diração e roteiro de Fabricio Ramos e Camele Queiroz e com a participação de Wagner Pyter.

Assista o filme: https://vimeo.com/63543543

EXIBIÇÃO DO CURTA NO LARGO DOIS DE JULHO

Nesta sexta-feira, dia 19 de abril, o curta, junto com outras obras de diferentes autores, será exibido no VI Cinema no Coreto, no largo 2 de Julho, à partir das 19h.

O evento, além das exibições e de intervenções audiovisuais, promoverá debates com a presença de arquitetos e urbanistas de Salvador e sensibilização artística para crianças. Página do evento no Facebook: VI Cinema no Coreto + Debate: Gentrificação.

Anúncios

Uma resposta em “para que não nos sintamos tão sós (curta)

  1. Pingback: seu roubo, seu ganha-pão, Salvador. | arte__documento

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s